quarta-feira, 15 de abril de 2015

EXERCÍCIO PARA LIBERTAR A ENERGIA DA SEPARAÇÃO

   Unifica os teus chacras e os campos energéticos; funde-te com a tua função espiritual.

   Imagina que a tua consciência se aproxima de um elevador, no plano físico.

   Nota como os nomes dos diversos planos se vão acendendo no painel de controlo do elevador, à medida
que vais subindo.

   Pára no nível do plano Crístico e, assim que as portas se abrirem, permite que a tua consciência saia do
elevador.

   Provavelmente, verás outras pessoas, umas conhecidas, outras não. São projeções, de alta frequência,
de aspectos do teu eu-espírito, que já experimentam uma plena unidade contigo.

   Como te sentes em relação a eles?

   Consegues sentir a Unicidade ou sentes-te separado?

   Se te encontrares com alguém de quem te sentes separado, tenta realizar um diálogo, do gênero:

Reconheço que me sinto separado; sou um Mestre e fabriquei isto como uma ferramenta de aprendiza-
gem, mas de que já não preciso; por isso, liberto-a e devolvo-a ao universo; em troca, escolho experi-
mentar a Unicidade. Agora, conheço e sinto a minha unidade com TUDO O QUE É. Tu (nome da pessoa) e eu somos ESPÍRITO, unido e indivisível.

   Movimenta-te, passeia à vontade e cumprimenta quem encontres. Sente a liberdade de pedir a Sanan-
da que apareça, pois, já que criaste este espaço, podes convidar quem te apeteça.

   Quando te sentires completo, regressa ao elevador e traz a tua consciência de regresso aos teus cam-
pos unificados.

   Este diálogo também é muito útil quando antipatizas ou te aborreces com alguém. Por ocasião de um
acalorado debate profissional, uma discussão com a tua parceria ou com o teu filho, tenta projetar estas
palavras desde o teu chacra do coração até ao eu-espírito da outra pessoa. Como ela está dentro do teu
campo unificado, já sabes que a tua mensagem em algum nível será recebida.


  Lembra-te: podes regressar ao plano Crístico sempre que te apetecer. E cada vez regressarás um pouco
mais diferente. Isso te garanto!